Total de visualizações de página

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

E. M. BENJAMIM GUIMARÃES-SEMANA PEAS

                      DEAP/GMB PARTICIPA DA SEMANA PEAS DA E. M. BENJAMIM GUIMARÃES

Com objetivo de estimular os adolescentes a discutirem e refletirem sobre temas relacionados à sexualidade e à saúde reprodutiva, a E. M. Benjamim Guimarães, no Distrito de Padre Brito,  esta promovendo nesta semana o Programa de Educação Afetivo-Sexual – PEAS,  contribuindo assim na formação de jovens mais conscientes, atuantes e com comportamento mais seguro.
O programa esta sendo desenvolvido pelos profissionais de educação da referida escola sob a coordenação da orientadora Sra. Silvana Roman Teixeira.
A Guarda Municipal de Barbacena através da DEAP-Divisão Especial de Ações Preventivas, participou do evento ontem (26) ministrando palestras do projeto "Resgatando Valores" aos alunos do sexto ao nono ano.
O Peas que vai ate a próxima sexta-feira (28) visa transformar os jovens alunos em agentes promotores de ações preventivas da violência, do uso de drogas, de doenças sexualmente transmissíveis e da gravidez não planejada.

Professores e demais funcionários participando ativamente do evento.
Participaram 70 alunos do sexto ao nono ano.



DEAP/GMB REALIZA PALESTRA NA E. M. CRISPIM BIAS FORTES



A Guarda Municipal de Barbacena, através da DEAP- Divisão Especial de Ações Preventivas, realizou ontem, quarta - feira (26),  palestras com alunos do Ensino Fundamental da Escola Municipal Crispim Bias Fortes na localidade de Torres,  Que tem como diretora a  Sra. Cláudia Maria Araujo. 
O encontro foi desenvolvido no turno da manhã.  A palestra que aborda temas como: preservação do patrimônio público, respeito mútuo, convívio social, entre outros relacionados ao resgate dos valores humanos, fazem parte do projeto "Resgatando Valores" que é desenvolvido pelas equipes da "Ronda Preventiva Escolar".  
Participaram da palestra 50 alunos do primeiro ao quinto ano.
Agradecimento especial a Diretora Cláudia, a orientação, professores e demais funcionários da escola, pela parceria .

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Parte da solução passa por aqui !!!

É inegável a necessidade de compartilhamento institucional para o tratamento das questões de Segurança Pública, apenas um ente político ou uma força policial não seria e não é capaz de atender as demandas desse gênero social de primeira necessidade chamado de Segurança Pública, o próprio texto constitucional que se não é perfeito na sua acepção jurídica ou política faz o delineamento de que tal necessidade social é “DIREITO E RESPONSABILIDADE DE TODOS”, dando a entender claramente que o compartilhamento e a parceria é o caminho a ser trilhado na resolução dos problemas afetos a Segurança e a Ordem Pública.
Não cabe no combate ao crime qualquer tipo de vaidade, exclusividade ou “reserva de mercado”, essas práticas devem ser de plano combatidas com toda força e energia, aqueles que buscam exclusividade ou reserva de mercado no combate ao crime, querem na verdade resguardar possíveis vantagens e facilidades pessoais e institucionais, são os verdadeiros guardadores das questões culturais e dos tradicionalismos que permeiam o campo do combate ao crime no Brasil, essas práticas remontam aos Reinos de Aragão e Castela na Europa Medieval, ou na Roma dos Césares e muito pouco ajudam na resolução dos problemas, desde a Idade Média ou a Roma antiga o mundo sofreu transformações radicais, mas alguns segmentos conservadores ainda insistem em manter “o modelo”, quem paga a conta é o povo brasileiro que a cada dia tem menos segurança e mais violência, somos um pais oitenta e oito vezes mais violento que a França, pais cujo “modelo” de Segurança Pública possui encadeamento de ações de forças policiais nos três níveis republicanos, (cidades, estados e governo central), se lá é possível haver compartilhamento institucional da responsabilidade pela Segurança Pública, porque aqui não é?, não há justificativa plausível meus caros Milicianos Municipais.

Busquemos dia a dia nosso espaço e enraizamento no seio do “Sistema de Segurança Pública”, estudemos com afinco e seriedade a Ciência Social da Segurança Pública, buscando conhecimentos técnicos, observando experiências exitosas de cidades com idades milenares, buscando e implementando boas práticas corporativas, fazendo a defesa do nosso campo institucional, informando nossas populações que via de regra não entendem patavinas do que venha a ser “Polícia”, “Segurança Pública”, “Políticas Públicas de Segurança” ou “Políticas de Segurança Pública”, essas disciplinas não são ensinadas nos bancos escolares, o povo, os políticos, a mídia e os formadores de opinião pública pouco ou quase nada sabem sobre os meandros desse vasto campo chamado de Segurança Pública ou se sabem fingem não saber, falando bobagens de toda espécie, esse pais consegue produzir estudos sobre o genoma humano, fabricar satélites, aviões, navios, medicamentos, estradas, pontes, prédios gigantescos, usinas hidrelétricas, computadores e até foguetes.
Mas desmistificar a Segurança Pública é quase que impossível, devido à “reserva de mercado”, “as vaidades profanas”, o culto aos tradicionalismos e ao folclore pregando e alardeando em todos os lugares de que Segurança Pública é coisa do “Estado”.
Os municípios devem atuar de forma suplementar na Segurança Pública e só podem ou devem fazer essa atuação por meio do seu organismo policial, o qual denominamos de Guarda Civil Municipal ou Guarda Municipal, os municípios nunca devem atuar de forma alternativa como resolução dos problemas de Segurança Pública, se a palavra de ordem é compartilhar e parceirizar para resolver o problema, temos de ter uma coalizão política, operacional e institucional, a resolução do problema da Segurança Pública passa necessariamente pelos municípios e em se falando de municípios estaremos falando de Guardas Civis Municipais ou Guardas Municipais, essa afirmação não é produto de utopia ou ufanismo, é a mais pura realidade, observem as boas práticas e os “cases” de sucesso em municípios conflagrados pela violência criminal e que hoje desfrutam de paz e tranqüilidade social, a ação de prevenção policial passou necessariamente pela Guarda Civil Municipal ou Guarda Municipal, boa semana a todos !

Elvis de Jesus
Inspetor Regional de GCM
São José dos Campos SP

SEIS AGENTES DE TRÂNSITO E TRANSPORTE NOMEADOS

A prefeita do município de Barbacena, no uso de suas atribuições de seu cargo, em conformidade com as leis vigentes, em especial com os artigos 20 e seguintes da Lei Municipal 3.245/1995; e na forma do artigo 26, inciso II, da constituição do Município de Barbacena; RESOLVE: NOMEAR, para provimento dos cargos públicos de Agentes de Trânsito e Transporte, os candidatos aprovados no Concurso Público homologado pelo Decreto 6.983 de 28 de janeiro de 2011, publicado no jornal Barbacena, edição 452, em 02 de fevereiro de 2011, conforme listagem abaixo:

01-Ezequiel Elizeu da Silva
02-Jander Cardoso de Resende
03-Valto José Dias da Silva
04-Acaua Cezar Tibiriçá
05-Wesley José Pinheiro da Silva
06-Hugo Leonardo Falco

Barbacena, 14 de outubro de 2011
Fonte:Jornal Oficial do Município de Barbacena, edição 471 de 21 de outubro de 2011

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

GM EM AÇÃO NA CRACOLÂNDIA




Antes restrita a algumas regiões do centro, a cracolândia estaria mudando de lugar. Moradores do bairro de Santa Cecília afirmam que usuários de drogas e traficantes estariam migrando para ruas do bairro, o que vem aumentando a sensação de insegurança na região.

Um projeto do tribunal de justiça de São Paulo vem tentando combater o problema.

Fonte:GM 24 HS

85% DOS INTERNAUTAS NO BRASIL ACESSAM BLOGS





LEIA A MATÉERIA NO JORNAL SUPER

sexta-feira, 21 de outubro de 2011

GUARDA MUNICIPAL DE MARIANA DEIXA A POPULAÇÃO MAIS CONFIANTE E SEGURA

guarda-municipal-de-mariana-deixa-a-populacao-mais-confiante-e-segura
Comandante da GMM, Letícia Delgado, instruindo a tropa para atuação na proteção do cidadão no centro de Mariana.

        
Sempre visando a máxima proteção do povo marianense, a Guarda Municipal de Mariana, trabalha assiduamente com a corporação no que diz respeito à instruções e treinamentos sempre levando em consideração máxima, o respeito e a dignidade que o cidadão marianense merece com relação a sua segurança e a necessidade de ser atendido e protegido pela Guarda Municipal.
É notório o fato de que, depois da implementação da Guarda Municipal, a cidade Mariana foi tremendamente beneficiada no que diz respeito à segurança. Isso é um fato comprovado principalmente pelos moradores mais idosos que sempre vinham sofrendo com as “saidinhas” de banco onde o dinheiro de suas aposentadorias, conquistado através de anos de suor e trabalho, sempre corriam o risco de serem levados por marginais.
“Cheguei a ter que pedir minha neta para receber minha pequena aposentadoria porque tinha medo de ser atacada quando saisse do banco. Sempre gostei de receber pessoalmente minha suada aposentadoria. Agora me sinto mais segura para ir ao banco porque sempre conto com a presença da Guarda Municipal de Mariana”, diz Roseli Carvalho, aposentada de 73 anos.
De acordo com Letícia Delgado, a primeira mulher a ser comandante da Guarda Municipal de Mariana, “A criação da Guarda municipal de Mariana e sua presença ostensiva no centro da cidade, inibiu a ação das famosas  “saidinhas de bancos”, que tinham como alvo principalmente as pessoas idosas e deficientes, que recebiam seus pagamentos nos diversos bancos instalados na cidade”, pronunciou a comandante.
Acrescentando ainda disse: “O trabalho da Guarda Municipal é indispensável para a Segurança Pública, sendo uma força auxiliar das demais instituições de Segurança que atuam no Municipio. A GMM contribui tambem para o combate dos furtos e roubos que aconteciam com frequência nos estabelecimentos comerciais”.
Hoje seria impossível imaginar um eficiente serviço de Segurança Pública na cidade de Mariana sem a presença da Guarda Municipal.
Fonte:Portal Mariana

GUARDA MUNICIPAL DE OURO PRETO - CINCO ANOS DE BONS SERVIÇOS Á COMUNIDADE OURO-PRETANA


Neste mês de outubro, a Guarda Municipal (GMOP) completou cinco anos de serviços prestados à população de Ouro Preto. Para celebrar a data, foi feita a entrega de certificado de reconhecimento a pessoas que se destacaram no apoio à Corporação, nas modalidades Amigo da Guarda Municipal e Homenagem Especial, além do prêmio Destaque Operacional da GMOP. A cerimônia foi realizada na Casa da Ópera, nessa segunda-feira (17).

Para o vice-prefeito, Dr. Dimas Dutra, a Guarda Municipal mudou a história de Ouro Preto. “É uma família que trabalha unida para proteger o patrimônio, ordenar o trânsito e auxiliar o cidadão. Uma Guarda Cidadã que protege a cidade e o cidadão em suas atividades do dia a dia”. Criada em 10 de outubro de 2006, a Corporação possui as funções de administração, planejamento e proteção de bens públicos, policiamento preventivo e disciplinar nos espaços públicos, fiscalização do trânsito, além de realizar ações de educação voltada para a direção defensiva e diversos trabalhos sociais, como apoio ao aleitamento materno, coleta de agasalhos, alimentos e brinquedos.

Emocionado, o comandante da GMOP e diretor do Ourotran, Carlos Mendes, agradeceu aos guardas municipais pelo empenho, destacando que o reconhecimento da Corporação na cidade é resultado do trabalho de cada um. “Espero, ainda, que nós possamos crescer cada vez mais a fim de ajudarmos a oferecer melhores condições de vida, mais humanização do trânsito na cidade e proteção ao patrimônio público”, acrescentou.

A integração da Guarda Municipal com os ouro-pretanos foi lembrada pelo prefeito Angelo Oswaldo. “São cinco anos de um brilhante trabalho que consolida a atuação da Corporação no município. Isso demonstra como ela está inserida de forma efetiva na comunidade. É claro que enfrentou dificuldades e problemas, mas soube resolvê-los. Evoluiu e conquistou credibilidade. Ouro Preto percebeu que a Guarda veio para contribuir com a melhor qualidade de vida dos cidadãos”, explicou o prefeito.

O secretário de Governo, Antônio Carlos de Oliveira (Toninho), também reconheceu a dedicação desses profissionais. “Hoje, a Guarda faz parte do dia a dia de Ouro Preto. A gente não consegue mais imaginar a vida no município sem o trabalho da Corporação no apoio aos eventos, na proteção patrimonial e na organização do tráfego, por exemplo”, apontou.

“A gente fica muito feliz de verificar a consolidação da Guarda Municipal no nosso município. Além da ordenação do trânsito, apoia as Polícias Militar e Civil na segurança pública e possui vários projetos sociais. A instituição está integrada definitivamente com os ouro-pretanos, ela está mais próxima da população”, destacou o vereador Júlio Pimenta.

A Corporação trabalha hoje com 38 guardas municipais, além de oito servidores que atuam no Departamento de Trânsito de Ouro Preto (Ourotran). O concurso público 2011 da Prefeitura selecionará, ainda, 20 servidores para a Guarda Municipal.

Foto: Cerimônia de comemoração dos cinco anos da Guarda Municipal de Ouro Preto. Divulgação Ascom/PMOP – Neno Vianna.
Fonte:Site oficial do município de Ouro Preto

Em nome da Guarda Municipal de Barbacena parabenizo a GM de Ouro Preto pelos seus cinco anos de existência,onde seus integrantes vem honrando a família Guarda Municipal e atuando de forma brilhante em prol do cidadão ouro-pretano.
GM-1 Carlos (GM de Barbacena)  

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

GUARDA MUNICIPAL DE VARGINHA– CONDUÇÃO POR FURTO CONSUMADO



No início da tarde de ontem, terça-feira, 18/10, por volta das 12:00h, uma equipe da Guarda Municipal de Varginha que realizava o deslocamento do bairro de Fátima com sentido ao Centro da cidade foi solicitada pelo Sr. ES, encarregado do Supermercado Bretas, informando que a Sra. ROA, após encher o carrinho com diversas mercadorias, saiu do estabelecimento comercial sem passar pelos caixas e após descarregar toda a mercadoria dentro de seu veículo tentou evadir do local sem realizar o devido pagamento. Diante dos fatos a suspeita, que é residente em Varginha, foi conduzida, juntamente com todas as mercadorias apreendidas, até a Delegacia de Polícia, onde permaneceu a disposição da autoridade competente para providências cabíveis. 

Fonte:GM de Varginha

Curso Basico de DEFESA CIVIL ead

                                                    Capacitação Básica em Defesa Civil

Estão abertas as pré-inscrições para o curso Capacitação Básica em Defesa Civil. São 2 mil vagas para o curso EaD, Ensino a Distância, com previsão de início para novembro de 2011. Os interessados devem fazer sua pré-inscrição até 25 de outubro. Após as pré-inscrições, caso haja um número maior de interessados que vagas, haverá uma seleção, portanto a pré-inscrição não garante a vaga.A Capacitação Básica é destinada para agentes de defesa civil, e seu conteúdo ressalta aspectos relevantes para promover a difusão da cultura de redução de risco de desastre.As pré-inscrições serão confirmadas através do e-mail cadastrado. O curso completo tem carga horária total é de 30 horas/aula, a serem cumpridas em 45 (quarenta e cinco) dias corridos, é gratuito, e fornece certificado pela Universidade Federal de Santa Catarina. 

Faça sua pré-inscrição preenchendo o formulário neste link 
http://www.ceped.ufsc.br/cursos-e-eventos/capacitacao-basica-em-defesa-civil 

terça-feira, 18 de outubro de 2011

EFETIVO DA GUARDA MUNICIPAL DE BH VAI DOBRAR



Atualmente com 2.341 homens, a corporação pretende elevar o número de servidores para 5 mil

O
guarda municipal
Número de guardas municipais pode chegar a 5 mil até 2014
A Guarda Municipal de Belo Horizonte estuda aumentar o seu efetivo até a Copa do Mundo de 2014. Atualmente com 2.341 homens, a corporação pretende elevar o número de servidores para 5 mil.

A informação foi confirmada pela assessoria da Secretaria Municipal de Segurança Urbana e Patrimonial. Ainda sem data definida, o próximo concurso público para a Guarda está previsto para 2012. O número de vagas ainda não foi divulgado.

Nesta sexta-feira (7), representantes dos governos estadual e municipal debateram, na Assembleia Legislativa, medidas de segurança que serão adotadas para a Copa. A subsecretária de Integração e Promoção da Qualidade do Sistema de Defesa Social, Geórgia Ribeiro, afirmou que 125 câmeras de monitoramento serão instaladas no entorno dos estádios Independência e Mineirão.

No último dia 29 de setembro, a PBH publicou edital de concorrência pública para o fornecimento e a instalação de 350 novas câmeras na cidade, visando ampliar o sistema de monitoramento eletrônico existente. Hoje são 176 equipamentos.

O processo licitatório prevê a instalação das câmeras em 175 vias públicas da capital. As propostas dos concorrentes serão conhecidas em 3 de novembro, quando os envelopes serão abertos. Após a escolha, a empresa vencedora terá 30 dias para instalar o sistema. O investimento será de R$ 11,5 milhões.

Fonte:hoje em dia

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

CONCURSO PARA GUARDA MUNICIPAL DE ITAJUBÁ-MG


Inscrições abertas 

Mais uma chance para quem pretende ingressar na carreira pública. Estarão abertas a partir das 10h desta segunda-feira, 17, as inscrições para o concurso da Guarda Municipal de Itajubá, ligada à Secretaria Municipal de Defesa Social. O edital completo que rege o processo pode ser acessado no site oficial do município, o http://www.itajuba.mg.gov.br/, ou do IMAM, o Instituto Mineiro de Administração Municipal, http://www.imam.org.br/, responsável pela realização do concurso. Serão 15 vagas para o cargo de Guarda Municipal, uma delas destinada a portador de necessidades especiais, com vencimentos iniciais de R$ 973,19.

Fonte: Prefeitura de Itajuba.

Governador doa 85 armas para a Guarda Municipal




O governador Beto Richa autorizou ontem que sejam doados 75 revólveres e dez carabinas calibre 38 para a Guarda Municipal de Ponta Grossa. Segundo a informação oficial, as armas foram repassadas pela Polícia Civil do Paraná e estão em perfeito estado de conservação.
Para Richa, trata-se de um importante reforço. “Essa ação dará tranquilidade e melhores condições de trabalho aos guardas municipais. A segurança pública é prioridade desta administração, e juntos reduziremos os altos índices de criminalidade e violência”, disse o governador.



Blog- Os demais governadores deveriam seguir o exemplo de Beto Rixa, vendo nas Guardas Municipais uma aliada para reduzir os índices de criminalidade e violência.

sexta-feira, 14 de outubro de 2011

REFORÇO NA FROTA DA GUARDA MUNICIPAL DE BARBACENA


As novas viaturas são do modelo Gol 1.6


A Prefeitura de Barbacena, por intermédio da Secretaria de Defesa Social, adquiriu para a Guarda Municipal de Barbacena (GMB) duas novas viaturas para complementar a frota atual. Segundo informações a última aquisição foi há mais de cinco anos. De acordo com comandante da Guarda Municipal, Luiz Cláudio Domith de Paula, os veículos ajudarão a intensificar a ronda nas 32 escolas municipais, nos postos de saúde e demais locais públicos. Hoje a GMB possui uma frota de quatro viaturas e uma moto.

Outra conquista é a implantação da ronda eletrônica.  São botons instalados em prédios púbicos (postos de saúde, museus, escolas), que monitoram as rondas através da caneta eletrônica instalada nas viaturas, emitindo um relatório de quantas vezes a viatura passou por aquele local. “Com este equipamento teremos o monitoramento exato de cada região, e com as novas viaturas esse trabalho será executado com precisão”, explica o subinspetor Newton Gonçalves. Os equipamentos foram adquiridos em parceria com a Associação Comercial, Sindcomércio e a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL).
Fonte:site oficial do município de Barbacena

COMANDANTE DA GUARDA MUNICIPAL DE VARGINHA, MAURICIO MACIEL, MINISTRA PALESTRA NO II CONGRESSO BAIANO NO MUNICÍPIO DE SERRINHA-BA




Comandante da GM de Varginha , Mauricio Maciel, nos dias 06 e 07 de outubro de 2011 participou do 2° Congresso Baiano das Guardas Municipais, cujo tema central foi “A Guarda Municipal Como agente de Prevenção e Defesa da Cidadania” no município de Serrinha-Ba.

O 2º Congresso das Guardas Municipais do Estado da Bahia foi um sucesso, o encontro serviu para ampliar a discussão e buscar soluções mais claras e específicas para os problemas enfrentados no trabalho das Guardas Municipais e suas padronizações. O evento contou com representantes de 37 municípios baianos e 5 Estados Brasileiros.

O evento foi organizado pela Associação da Guarda Municipal de Serrinha (AGMS), foram discutidos assuntos de extrema importância para as GMs desempenharem seu papel na Segurança Pública Municipal. Contou com a presença de diversas autoridades a exemplo do prefeito municipal Osny Cardoso (PT), que valorizou os agentes apoiando na Marcha Azul marinho pelas ruas da acolhedora cidade de Serrinha – BA.

A presença de Guardas Municipais, Gestores de Segurança Pública, visitantes de diversas regiões, além de palestrantes e autoridades ligadas ao Conselho Nacional das Guardas Municipais, mostrou que o objetivo foi alcançado, possibilitando a troca de experiências com outras Guardas.

Segundo Comandante Mauricio Maciel, que ministrou palestra para um auditório lotado, ressaltou o esforço da Associação da Guarda Municipal de Serrinha (AGMS), pelo sucesso do evento e no final um simbólico abraço na praça central da cidade com participação da comunidade local, apoiado pelo presidente da ONG SOS Segurança da Vida, Mauricio Domingues- Naval .

"O Congresso foi coroado de pleno êxito, superando as expectativas, eventos como esse são importantes para a união da classe em âmbito nacional para ser discutido o padrão de serviço, precisamos cada vez mais ampliar o nosso trabalho e contribuir para a proteção dos cidadãos," Cmt Maciel.

terça-feira, 11 de outubro de 2011

DOCUMENTO DE PROPOSTAS DA PLENÁRIA FINAL DO FÓRUM TÉCNICO SEGURANÇA NAS ESCOLAS POR UMA CULTURA DE PAZ

                                              DOCUMENTO DE PROPOSTAS

                                                          PLENÁRIA FINAL
                                     BELO HORIZONTE, 6 DE OUTUBRO DE 2011

1 – Implantação, em todas as escolas públicas do Estado, de sistema de monitoramento por câmeras
nas áreas internas de circulação e no entorno da escola, com disponibilização de recursos para
manutenção, a fim de garantir a preservação do patrimônio público e a proteção da vida das
pessoas.
2 – Contratação de vigias noturnos e de porteiros diurnos com capacitação específica em vigilância,
e instalação de sistema de monitoramento estático.
3 – Implementação de dinâmica operacional referente ao policiamento ostensivo nas imediações das
escolas, de forma a propiciar maior segurança.
4 – Garantia do cumprimento da lei que estabelece as áreas de segurança e proteção escolar.
5  – Maior integração entre a escola, a comunidade, Conselhos Tutelares, Polícia Civil, Política
Militar, Ministério Público, Defensoria Pública, Programas de Prevenção à Criminalidade na
Administração de Conflitos no âmbito escolar para o acompanhamento dos alunos que cometeram
faltas graves ou atos infracionais, garantindo a permanência desses alunos nas suas escolas de
origem, sempre que possível, com realização de cursos de capacitação em procedimentos de
mediação, visando solucionar os conflitos.
6  – Alocação e garantia de recursos orçamentários e financeiros para o desenvolvimento e a
ampliação de programas de prevenção destinados aos alunos dos ensinos fundamental e médio, tais
como Programa Educacional de Resistência às Drogas – Proerd, Jovens Construindo a CidadaniaJCC -, Programa Escola Segura – PES, entre outros, destinando recursos também para a capacitação
de policiais militares e outros profissionais de segurança pública sobre o tema de atendimento
escolar.
7 – Criação, fortalecimento e visibilidade dos Conselhos de Segurança Escolar e Comunitária em
todos os Municípios do Estado, dotando-os de recursos financeiros e capacitando seus membros, a
fim de que a rede de ensino, os órgãos de Segurança Pública e de Sistema de Garantia de Direitos,
Assistência Social, Saúde e Comunidade, para que possam discutir sobre a segurança local e propor
e realizar ações integradas zelando pela efetividade da rede de segurança educacional.
8 – Implementação de maior abertura das escolas para a realização de projetos sociais quepromovam a convivência na diversidade entre os alunos, o fortalecimento dos laços entre eles e a
redução de suas diferenças, e que permitam um conhecimento mais aprofundado das entidades
públicas ou particulares.
9 –  Implantação de programa multidisciplinar de segurança nas escolas e oferecimento de cursos
específicos relacionados ao tema, com o objetivo de capacitar, qualificar e preparar todos os
profissionais da educação.
10 – Sensibilização e fomento, na comunidade escolar, de espaços de discussão abertos, no contexto
da diversidade humana, para receber alunos com deficiência e transtornos globais do
desenvolvimento, além daqueles com ascendência indígena ou provenientes de comunidades
quilombolas,  esclarecendo sobre todas as especifidades desses segmentos.
11 – Fiscalização da atuação conjunta dos órgãos públicos responsáveis pelos direitos das pessoas
com deficiência para efetivar o cumprimento das medidas que garantam direito de acessibilidade
universal e de inclusão social.
12 –  Elaboração e execução de Lei de Responsabilidade Social do Estado, de modo a estabelecer
compromissos e diretrizes de investimentos, visando à qualidade social dos serviços públicos para
uma cultura de paz.
13 - Garantia, nas escolas, de acompanhamento social  realizado por equipe multiprofissional
composta por: psicólogo, assistente social, fonoaudiólogo, psicopedagogo, a fim de contribuir para
processo educativo de estudantes, professores e famílias, efetivando, assim, a Lei nº 16.683, de
2007.
14  – Maior integração entre a Secretaria de Estado de Educação, Superintendências Regionais de
Ensino, Poder Legislativo, Poder Judiciário,  Defensoria Pública, Ministério Público, Conselhos,
Secretarias Municipais e órgãos das áreas de saúde, de assistência social e de segurança pública,
buscando ampliar a rede de proteção em prol do combate à violência nas escolas.
15  – Criação e ampliação, no âmbito da rede pública estadual, de cursos profissionalizantes, de
acordo com a demanda local.
16 -  Fortalecimento da rede competente para o atendimento aos alunos dependentes químicos e àssuas famílias, e encaminhamento desses alunos para a referida rede
17 – Incentivo à criação da Guarda Municipal nos Municípios que não a possuem.
18 - Criação da rede integrada de proteção e segurança por uma cultura de paz, com o fim de
planejar, executar, fiscalizar e nortear ações que  visem o desenvolvimento de políticas públicas
focadas no combate aos diversos tipos de violência que acontecem no âmbito escolar, composta por
representantes da Secretaria de Estado da Educação, Secretarias Municipais de Educação, Poder
Judiciário, Ministério Público, Defensoria Pública, Polícia Militar, Conselhos e Representantes de
pais e alunos da comunidade escolar.
19  – Ampliação da acessibilidade e monitoramento dos sistemas digitais de informação,
incentivando a criação de bibliotecas virtuais nas  escolas,  com a contratação de profissionais
capacitados.
20 - Implementação e execução de ações de formação continuada sobre o Estatuto da Criança e do
Adolescente – Eca – e sobre o Sistema de Garantia dos Direitos da Criança e do Adolescente – SGD
–, com a produção de cartilhas e a realização de seminários regionais ou fóruns com a participação
de educadores e outros interessados.
21 - Efetiva implementação de políticas de valorização e reconhecimento dos profissionais da
educação, dentro e fora da escola, garantindo-se condições de trabalho, saúde, segurança; e
cumprimento imediato da Lei nº 11.738, de 2008, e do Plano de Carreira dos Profissionais em
Educação do Estado de Minas Gerais; que os profissionais da educação selecionados para escolas
públicas possuam a habilitação prevista na LDB; e investimentos na qualificação do profissional,
inclusive com o aumento da oferta de bolsas de mestrado para professores e demais profissionais da
educação, contando, em tudo o que couber, com o engajamento de todos os parlamentares.
22 - Aumento dos recursos investidos em treinamento, projetos e instrução dos agentes da Guarda
Municipal, da Polícia Militar e da Polícia Civil que atuam diretamente na prevenção da violência no
ambiente escolar, inclusive por meio de convênios com instituições de ensino voltadas para
segurança pública.
23 - Garantia dos direitos das crianças com deficiência, mediante criação e manutenção de espaços
físicos e infraestrutura adequados às suas necessidades específicas no ambiente escolar, com construção de salas de recursos multifuncionais e capacitação de profissionais; e garantia de
recursos para elaboração e execução das planilhas e dos projetos de engenharia.
24 - Instituição de fórum de estudantes para debates e proposições acerca do combate à violência
nas escolas e a construção de uma cultura de paz, promovendo eventos e atividades que valorizem
os alunos frequentes e que não se envolvem em atos de indisciplina.
25 - Redução do número de alunos por turma, nos seguintes parâmetros: 20 alunos nas turmas do
ciclo de alfabetização (1° ao 3° ano), 25 alunos nas turmas do 4º ao 6º ano e 30 alunos nas turmas
do 7º ao 9º ano e no ensino médio, com adequação do quadro da escola, de maneira a garantir a
qualidade do ensino.
26 - Efetivação e ampliação do programa de Escola em Tempo Integral para todos os alunos das
redes estadual e municipal, mediante parceria financeira com os Municípios, contando com
infraestrutura adequada, plano de Intervenção Pedagógica – PIP – e acompanhamento de
profissionais capacitados em educação, para colaborar com os alunos na realização das tarefas e na
superação das dificuldades de aprendizagem, propiciando  recreação (artes), esporte, informática e
relacionamento humano voltados para a prática cidadã.
27 - Construção e/ou reestruturação de centros esportivos olímpicos e centros culturais, dotados de
grupos multidisciplinares, para o desenvolvimento de práticas esportivas e culturais vinculadas às
práticas pedagógicas das escolas, ofertadas no contraturno, em todos os Municípios do Estado,
respeitada a demanda de cada localidade.
28  - Implementação de política de assistência psicológica no ambiente escolar, com atendimento
profissional especializado para as partes envolvidas, considerando os vários níveis de violência.
29 - Construção de novas escolas, com o objetivo de suprir a demanda nos Municípios.
30 -  Reorganização e manutenção da estrutura escolar, de modo a garantir uma educação de
qualidade social, que atenda às especificidades e habilidades dos estudantes.

Fonte:http://www.almg.gov.br

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

HOJE(10/10) É COMEMORADO O DIA NACIONAL DOS GUARDAS MUNICIPAIS



A Guarda Municipal é um dos poucos órgãos de prestação de serviço público municipal que está inserida na Constituição Federal.




No Brasil, a primeira instituição policial paga pelos erários foi o Regimento de Cavalaria Regular da Capital de Minas Gerais, em 09 de junho de 1775, onde o Alferes Joaquim José da Silva Xavier, o “TIRADENTES”, tornou-se Comandante em 1780.
Com a vinda da Família Real para o Brasil, foi criada em 13 de maio de 1809, a Divisão da Guarda Real de Polícia (Guardas Municipais no Brasil), sua missão era de policiar a cidade em tempo integral, tornando-a desde o início mais eficaz que os antigos “Quadrilheiros”.
Ao abdicar o trono, D. Pedro deixa seu filho D. Pedro II, neste momento conturbado, através da Regência Trina Provisória em 14 de junho de 1831, é efetivamente criada com esta denominação em cada Distrito de Paz às Guardas Municipais, divididas em esquadras.
Em 18 de agosto de 1831, após a lei que tratava da tutela do Imperador e de suas Augustas irmãs é publicada a lei que cria a Guarda Nacional, e extingue no mesmo ato as Guardas Municipais, Corpos de Milícias e Serviços de Ordenanças, sendo que em 10 de outubro, foram reorganizados os Corpos de Guardas Municipais, agora agregado com a terminologia “Permanentes”, subordinada ao Ministro da Justiça e ao Comandante da Guarda Nacional.
As patrulhas de permanente deveriam circular dia e noite em patrulhas a pé ou a cavalo, “com o seu dever sem exceção de pessoa alguma”, sendo “com todos prudentes, circunspectos, guardando aquela civilidade e respeito devido aos direitos do cidadão”; estavam, porém autorizados a usar “a força necessária” contra todos os que resistissem a “ser presos, apalpados e observados”.
As Guardas Municipais no Brasil, dado a sua atuação foram conhecidas também como:
“Batalhão dos Oficiais-Soldados”, “Voluntários da Pátria”, “Sagrado Batalhão” e “Guerreiros da Pátria”.
A atuação da Guarda Municipal desde a sua criação foi motivo de destaque, conforme citação do Ex-Regente Feijó, que em 1839, dirigiu-se ao Senado, afirmando que:
“Lembrarei ao Senado que, entre os poucos serviços que fiz em 1831 e 1832, ainda hoje dou muita importância à criação do Corpo Municipal Permanente; fui tão feliz na organização que dei, acertei tanto nas escolhas dos oficiais, que até hoje é esse corpo o modelo da obediência e disciplina, e a quem se deve a paz e a tranqüilidade de que goza esta corte”
Esta Corporação Ducentenária, teve em quadro vultos nacionais que souberam conduzi-las honrosamente, tendo como destaque o Major Luiz Alves de Lima e Silva – “Duque de Caxias”, que foi nomeado Comandante do Corpo de Guardas Municipais Permanentes, em 18 de outubro de 1832.
Ao ser nomeado Coronel, passou o Comando, onde ao se despedir dos seus subordinados, fez a seguinte afirmação:
“Camaradas! Nomeado presidente e comandante das Armas da Província do Maranhão, vos venho deixar, e não é sem saudades que o faço: o vosso comandante e companheiro por mais de oito anos, eu fui testemunha de vossa ilibada conduta e bons serviços prestados à pátria, não só mantendo o sossego público desta grande capital, como voando voluntariamente a todos os pontos do Império, onde o governo imperial tem precisado de nossos serviços (…). Quartel de Barbonos, 20/12/39. Luís Alves de Lima e Silva”.
Fonte:amigosdacaserna.com.br

APESAR DE RECEBER UM GRANDE PÚBLICO FESTA DAS ROSAS TRANSCORREU COM TOTAL TRANQUILIDADE



Teve início na ultima quinta-feira, dia 06, encerrando-se ontem (domingo,09) a 43ª festa das rosas e flores de Barbacena . O evento que este ano, como ja ocorreu na expoagro 2011, cumprindo determinação da prefeita Danuza Bias fortes teve entrada franca todos os dias, atraiu um grande público  ao Parque de Exposições Senador Bias Fortes para visitar os stands ornamentados com rosas e flores e, é claro, curtir os shows musicais e as barracas de bebidas e comidas. 

A programação de shows  contou com a dupla sertaneja Maria Cecilia e Rodolfo que abriu a festa no dia 06; o cantor Latino e a dupla Marcelinho de Lima e Camargo se apresentaram nos dias 07 e 08, respectivamente,tendo ainda, encerrando a festa no domingo(09), o show com Beto Kauê. 

A dupla Maria Cecilia e Rodolfo  abriu a sequencia de shows . 

O esquema de segurança mais uma vez contou com  a  Guarda Municipal que atuou todos os quatro dias em apoio a CENATUR e aos demais órgãos de segurança pública,destaque para o apoio ao setor de concessões e ao Juizado da Infância e Juventude da Comarca de Barbacena.A festa que a tempos não recebia um publico tão grande. transcorreu com total tranqüilidade.

A Guarda Municipal atuou  nos quatro dias de festa.

10 DE OUTUBRO: PARABÉNS GUARDAS MUNICIPAIS !



DIA 10 DE OUTUBRO - DIA NACIONAL DA GUARDA MUNICIPAL


PARABÉNS A TODOS OS NOBRES GUERREIROS E GUERREIRAS MEMBROS DESTA BRIOSA INSTITUIÇÃO – GUARDA MUNICIPAL







LEI Nº 12.0066, DE 29 DE OUTUBRO DE 2009

Institui o Dia da Guarda Municipal, a ser comemorado no dia 10 de outubro

O VICE PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no exercício do cargo de PRESIDENTE DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei

Art. 1º é instituído o Dia da Guarda Municipal, a ser comemorado no dia 10 de outubro

Art. 2º Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação

Brasilia, 29 de outubro de 2009

JOSÉ ALENCAR GOMES DA SILVA

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

GUARDAS MUNICIPAIS DE BARBACENA PARTICIPARAM DO PRIMEIRO SEMINÁRIO DAS ESCOLAS PROMOVIDO PELA VARA DA FAMÍLIA E CÍVEL DA INFÂNCIA E JUVENTUDE DA COMARCA DE BARBACENA


A Vara de Família e Cível da Infância e da Juventude da Comarca de Barbacena, dando execução ao Programa Pacto pela Juventude, realizou ontem, 6,  o 1º Seminário das Escolas. O evento aconteceu no auditório da Escola Preparatória de Cadetes do Ar – EPCAR.

Participaram do evento centenas de profissionais , entre diretores, professores e pedagogos das mais de 200 entidades de ensino de toda a comarca – rede municipal, estadual, federal e particular, policiais, conselheiros tutelares e guardas municipais que atuam na ronda escolar. O juiz de direito da Vara de Família e Cível da Infância e Juventude da Comarca de Barbacena Sr. Joaquim Martins Gamonal abriu o seminário   as 8h da manhã, e os trabalhos seguiram ate  as 5h e 30 da tarde.

Foram 6 palestras muito proveitosas, sendo  ainda  lançado oficialmente  dois importantíssimos projetos voltados para proteção dos direitos do público infanto-juvenil: FICAI (Ficha de Comunicação do Aluno Infrequente) e o APOMT (Aviso por Maus Tratos).


Segundo um dos guardas municipais que participou do evento, o seminário serviu para eles conhecerem de perto o ótimo trabalho desenvolvido pela  equipe da Vara de Família e Cível da Infância e Juventude da Comarca de Barbacena, e com isso, atuando na ronda escolar, contribuir com o objetivo de proteger nossos jovens e adolescentes. 

quinta-feira, 6 de outubro de 2011

GUARDA MUNICIPAL DE CARREIRA ASSUME O COMANDO DA GUARDA MUNICIPAL DE BARBACENA

Domith de Paula ja como Comandante discursando em recente ato cívico pelos 15 anos da GMB  
Desde a segunda quinzena de Setembro a Guarda Municipal de Barbacena e comandada pelo Guarda municipal de carreira Luiz Claudio Domith de Paula que responde também pela Secretaria Municipal de Defesa Social. Cargos que antes eram ocupados pelo Sr. Jorge Luiz Lopes de Oliveira que realizou bons trabalhos a frente da corporação.

O comando próprio nas Guardas Municipais e uma tendência nacional que valoriza o Guarda Municipal de carreira e solidifica a identidade das Guardas Municipais.

Segundo Domith de Paula, ele aceitou o convite da prefeita municipal Sra. Danuza Bias Fortes com tranquilidade, pois por ser um GM de carreira, conhece toda dinâmica de trabalho da corporação. Disse ainda que seu primeiro desafio sera aumentar o leque de atuação da GMB e com a já prevista chegada de novas viaturas, aumentar as rondas nos prédios e praças publicas e também intensificar a "Ronda Preventiva Escolar" que atende cerca de 32 escolas municipais.

Domith de Paula ingressou na Guarda Municipal de Barbacena em 02/07/1996, e formado em administração de empresas pela UNIPAC, e na área de segurança publica tem os seguintes cursos: escolta de dignitários, policia comunitária, direitos humanos, primeiros socorros, busca e apreensão, aspectos jurídicos da abordagem policial e gerenciamento de crises. 

terça-feira, 4 de outubro de 2011

GPS NO CARRO - vamos ficar atentos

Dica de segurança!

Cuidados ao usar o GPS automotivo.
Uma família parte para férias, de carro, GPS ligado. A viagem transcorre normalmente e então decidem parar para lanchar ou almoçar, deixando o carro
num estacionamento próximo.
Quando regressam, constatam que o seu GPS foi roubado.
Algumas horas mais tarde, os vizinhos telefonam informando que a casa deles foi assaltada.
Os ladrões utilizaram a função de retorno para casa...
Estavam tranqüilos sabendo que os proprietários estavam longe e que, portanto, não seriam incomodados.
Uma importante DICA:
No teu GPS, mude o teu endereço (de partida) pelo do posto policial (que você conhece) próximo. Os ladrões ficarão com o GPS, mas não te roubarão a
casa! Todo cuidado é pouco! … E BOA VIAGEM!!!

MARCO BAPTISTA
PERITO JUDICIAL
Fonte:Carlinhos Silva

segunda-feira, 3 de outubro de 2011

GUARDAS MUNICIPAIS DE BARBACENA PARTICIPAM DE CURSO DE PROMOTOR DE POLICIA COMUNITÁRIA NO 9º BPMMG


  Foi realizado, entre os dias 26 a 30 de setembro, na sede do 9º Batalhão da PMMG, em Barbacena, o curso de Promotor de Polícia Comunitária. Três guardas municipais participaram do curso, onde também participaram  policiais militares, civis e militares da EPCAR. 
   O Curso  tem como objetivo principal, capacitar os profissionais como Promotores de Polícia Comunitária, fornecendo os parâmetros para apoiar as comunidades na gestão de suas necessidades, exercer atividades de mobilização social e desenvolvimento de serviços preventivos comunitários, com a intenção de resolver os problemas locais que afetam a qualidade de vida do cidadão.
   A solenidade de formatura ocorreu na tarde da última sexta-feira (30) e contou com a participação dos Comandantes da 13ª RPM, Coronel Ricardo Matos Calixto, do 9º BPM, Tenente Coronel Jesus Milagres,  da Guarda Municipal de Barbacena , Luis Cláudio Domith de Paula, e a Delegada de Polícia, Doutora Fátima Maria de Campos.
 O Coronel Ricardo Matos Calixto e o Tenente Coronel Jesus Milagres foram homenageados pelos alunos.